Blog

Sim… investir em momentos de crise é bastante necessário!

5 de maio de 2015

Para começar com esse assunto, veja como os chineses “traduzem” a crise

Resultado de imagem para frases sobre momento de crise

E é bem isso mesmo! Crise = Perigo + Oportunidade

São nestes momentos de perigo que as empresas, por um certo “susto” e desespero, param para observar seu cenário, mercado externo, dívidas, receitas futuras, quantidade de equipe, qualidade no atendimento, etc, etc, etc. Daí surgem as oportunidades!

Eu costumo dizer que “antes tarde do que nunca”, pois pelo menos nessas horas pode-se perceber uma vontade de se mudar cenários e criar planejamentos para o caminhar positivo da companhia, independendo do mercado externo. E aí eu adoro! 🙂

Talvez o único motivo desta desconfiança de ser importante investir em momento de crise, é que nestas circunstâncias as empresas geralmente seguram a grana, cortam os treinamentos e, às vezes, até demitem funcionários.

No contexto gestão de pessoas, com exceção aos casos que oficialmente estas sejam as únicas e complicadas saídas para o desembolar dos negócios, sabe-se que planejar, reter, treinar e motivar as equipes são, definitivamente, as melhores das escolhas a serem tomadas. E as mais baratas, claro!

Treinamentos comportamentais e técnicos, à distância ou presenciais, in company ou cursos abertos ao público. Todas são possibilidades de alavancar a produtividade e os resultados nas empresas. Independente da situação atual de cada uma delas. Por exemplo…

  • Empresas que demitiram alguns colaboradores e que, os que ficaram, precisam agregar novas funções e que para tal, precisam ser treinados
  • As que tem em seu escopo profissionais com mais tempo de “casa”, é essencial os treinamentos de reciclagem
  • As companhias que estão em plena expansão no mercado, é necessário um contínuo treinamento para alinhamento dos objetivos, metas e compromissos da empresa e onde ela quer chegar

Enfim… eu poderia citar ainda vários “porquês” de se investir nas pessoas da sua empresa durante uma crise…

Mas só mais uma outra coisa…

São nos momentos de “caos” no mercado onde produtos e serviços se equalizam nos preços e nos descontos concedidos em busca de uma venda ou de qualquer venda! A ÚNICA saída então é se diferenciar no ATENDIMENTO AO CLIENTE. Na hospitalidade percebida pelo cliente!

Só assim para se poder haver uma compra que gere outra compra, que gere engajamento, que gere fidelização e que gere uma nova compra. E assim por diante!

E para se diferenciar nesta Hospitalidade Corporativa é preciso ter visão e muita disposição. E o treinamento, mas não somente ele, pode criar esta solução para a sua empresa! Pense nisso!

Acho que não precisa de mais nenhum argumento para investirmos durante as crises né?

Claro… o certo é investir sempre! Ok! Mas não deixe para o “tarde demais”!

Invista na sua equipe! Invista na sua qualidade! Invista no seu ÚNICO diferencial! Invista na HOSPITALIDADE da sua empresa! Invista nos seus clientes! Eles merecem…

Abraços e Bom Treinamento!

 





Fale com a Clarissa: 11 9 8955 1117
E-mail: clarissa@c2mhospitalidade.com.br




A C2M Hospitalidade é o resultado da vivência de mercado, visão ampla e inovadora de Clarissa Matos- CEO e fundadora.

Formada em Turismo e Hotelaria e Pós-graduada em Gestão Estratégica de Negócios, Clarissa possui mais de 15 anos de experiência em atendimento ao cliente e gestão de negócios, atuou em empresas multinacionais como Groupon, Accor e Pestana.

Focada na excelência dos serviços, participou de vários cursos específicos desta área em busca de atualização e inovação, em instituições renomadas como Dale Carnegie, ESPM e ABGEV Academia de Viagens.

Desde 2011, a C2M Gestão da Hospitalidade atua em diversas regiões do Brasil e propõe uma nova modelagem de negócios com o foco de promover a cultura da hospitalidade como principal ferramenta para o alcance dos resultados no segmento de serviços e varejo.

Trabalhou na FIFA Confederations Cup Brazil em 2013 e na FIFA World Cup Brazil em 2014 como Operational Manager das áreas de hospitalidade dos estádios Arena Pernambuco e Nacional Mané Garrincha, respectivamente.

Além de consultora e palestrante, Clarissa foi professora do SENAC nas turmas de hotelaria, hospedagem e guia de turismo - com o foco em comunicação, hospitalidade e atendimento ao cliente.


Ver mais...